Visão espiritual é a capacidade de discernir e entender a realidade do mundo espiritual. Os olhos espirituais podem ser abertos somente através do conhecimento genuíno de Jesus Cristo (2 Co.3:14). A visão terrena e a cegueira espiritual são aliadas entre si e contrárias à verdadeira visão espiritual.

Peço que Deus, o Pai glorioso de nosso Senhor Jesus Cristo,
lhes dê sabedoria espiritual e entendimento
para que cresçam no conhecimento dele.
Peço que ele ilumine os olhos do coração de vocês,
para que saibam qual é a esperança da vocação de vocês,
qual é a riqueza da glória da sua herança nos santos
e qual é a suprema grandeza do seu poder sobre nós,
os que cremos, segundo a eficácia da força do seu poder.

- Efésios 1:17-19

O que é uma visão?

É alguma coisa vista em sonho ou em estado de êxtase, usada por Deus para comunicar uma mensagem a alguém. Muitos profetas nos tempos bíblicos tiveram visões divinas que foram registradas nas Escrituras (Daniel 2:19, Naum 1:1). Por outro lado, a visão também pode ser uma espécie de magia ou ilusionismo (enganosa) pela qual se busca conhecer coisas futuras e obter conhecimentos ocultos (Lamentações 2:14, Ezequiel 13:6-7).

O que significa ter uma visão espiritual?

Ter visão espiritual significa ver além do que os olhos humanos conseguem enxergar. É ver o poder de Deus e não as circunstâncias que nos envolvem. Essa clareza diante de todas as situações da vida pode ser aperfeiçoada através do conhecimento da Palavra de Deus e da caminhada na fé na comunhão com o Espírito Santo.

Abre os meus olhos para que eu veja as maravilhas da tua lei.
Salmos 119:18

Visão Espiritual X Cegueira Espiritual

Ter uma visão exclusivamente terrena da vida é o mesmo que ser cego espiritualmente. A cegueira espiritual é muito pior que a cegueira física, visto que conduz à tentação (Gn. 3:6), à cobiça (Js. 7:21), ao pecado (Jo.9:40-41) e à escuridão da morte:

Como o cego caminhamos apalpando o muro, tateamos como quem não tem olhos. Ao meio-dia tropeçamos como se fosse noite; entre os fortes somos como os mortos.
Isaías 59:10

Estudo de um caso sobre visão e cegueira espiritual

No Evangelho de João, capítulo 9, encontramos uma interessante história sobre a essência da visão espiritual e a resolução do problema (do pecado) da cegueira espiritual. Ela ensina-nos que tudo gira em torno de conhecermos quem Jesus é e crermos nele.

Essa passagem narra um episódio no qual Jesus curou um cego de nascença. Era completamente desconhecido que alguma vez um adulto que nunca tivesse enxergado antes pudesse ver. Isso deveria ter maravilhado a todos porque era uma forte evidência de que Ele era o Filho de Deus. Mas os mais religiosos daquele tempo não queriam enxergar essa verdade.

"Ninguém jamais ouviu que os olhos de um cego de nascença tivessem sido abertos.
Se esse homem não fosse de Deus, não poderia fazer coisa alguma".
Diante disso, eles responderam: "Você nasceu cheio de pecado;
como tem a ousadia de nos ensinar?" E o expulsaram.
Jesus ouviu que o haviam expulsado, e,
ao encontrá-lo, disse: "Você crê no Filho do Homem?"
Perguntou o homem: "Quem é ele, Senhor, para que eu nele creia? "
Disse Jesus: "Você já o tem visto. É aquele que está falando com você".
Então o homem disse: "Senhor, eu creio". E o adorou.
Disse Jesus: "Eu vim a este mundo para julgamento,
a fim de que os cegos vejam e os que vêem se tornem cegos".
Alguns fariseus que estavam com ele ouviram-no dizer isso e perguntaram:
"Acaso nós também somos cegos?"
Disse Jesus: "Se vocês fossem cegos, não seriam culpados de pecado;
mas agora que dizem que podem ver, a culpa de vocês permanece".

- João 9:32-41

Aqui vemos o contraste entre a atitude de um homem que nasceu cego, mas conseguia ver quem Jesus realmente é (Jo. 9:33), e a atitude dos líderes religiosos do povo, que afirmavam ver e conhecer tudo, mas não enxergavam que Jesus era o Salvador enviado de Deus (Jo. 9:34-41).

Imagem da cura do cego de nascença - Versículo 9:39 - para que os que não veem, vejam

A visão espiritual do ex-cego físico

Depois da cura física, aquele homem foi interrogado pelos fariseus, que descontentes o expulsaram do templo. Isso significava que ele estava excluído da comunhão religiosa da sociedade. Mas Jesus foi ao seu encontro e se revelou a ele. O homem creu e adorou ao Senhor Jesus!

Este homem entrou na história cego e pedinte. Mas agora testemunhava destemidamente sobre as maravilhas de Deus. Quando confessou a sua fé em Jesus, como seu Senhor e Deus, manifestando adoração verdadeira, aquele homem que fora curado da cegueira física, passou também a enxergar as coisas espirituais.

Pois o coração deste povo se tornou insensível; de má vontade ouviram com os seus ouvidos, e fecharam os seus olhos. Se assim não fosse, poderiam ver com os olhos, ouvir com os ouvidos, entender com o coração e converter-se, e eu os curaria.
Atos 28:27

A cegueira espiritual dos Fariseus

Os líderes religiosos e fariseus tão descrentes, duvidaram que Jesus era o Cristo de Deus. Eles não admitiam que aquele grande milagre tivesse realmente acontecido, por isso investigaram a vida e os pais do homem curado. Tão cegos eram eles, que queriam que a história da cura fosse falsa, para que assim pudessem expor Jesus como um charlatão e impostor.

Mas, apesar de todo o conhecimento que tinham e da vida dedicada à Lei de Deus, aqueles homens eram os verdadeiros cegos da história. Tendo a luz à sua frente, preferiram permanecer na escuridão. Com as mentes cauterizadas, não queriam enxergar que Jesus era o Filho de Deus, o Salvador prometido.

Na verdade as mentes deles se fecharam, pois até hoje o mesmo véu permanece quando é lida a Antiga Aliança. Não foi retirado, porque é somente em Cristo que ele é removido.
2 Coríntios 3:14

Como enxergar o mundo espiritual?

Essa é uma questão complicada. Não existe uma receita, nem uma lista de passos para se ter visões do mundo espiritual. Embora algumas pessoas da Bíblia tenham tido visões do mundo espiritual, isso não quer dizer que todas as pessoas que quiserem vão ter. Deus, na sua soberania, concederá isso a uns e a outros não.

Contudo, entendemos que a Bíblia aconselha-nos a sermos cristãos espirituais. Isso significa ter o discernimento (compreensão) dada através do Espírito Santo acerca do mundo espiritual. Assim, encontramos nas Escrituras algumas orientações que poderão melhorar a sua visão espiritual. Veja esses 5 conselhos:

1. Ore! O profeta Eliseu orou para que seu servo visse a dimensão espiritual:

Ele respondeu: Não tenha medo, porque são mais os que estão conosco do que os que estão com eles.
E Eliseu orou e disse: Senhor , peço-te que abras os olhos dele para que veja. O Senhor abriu os olhos do moço, e ele viu que o monte estava cheio de cavalos e carros de fogo, ao redor de Eliseu.
2 Reis 6:16-17

O rei sírio cercou (com um exército) a cidade para prender o profeta Eliseu. O rapaz teve medo porque não enxergava que Deus estava com eles para os livrar. Quando Deus abre os nossos olhos espirituais o nosso medo desaparece, porque vemos que Ele está do nosso lado para nos guiar e proteger.

2. Olhe para Deus, para receber inspiração e ajuda divina

Olhai para ele, e sede iluminados; e os vossos rostos não ficaram decepcionados.
Salmos 34:5

Podemos olhar para Deus, através das Escrituras, pela oração, meditação e reflexão, praticando e obedecendo a tudo que Lhe agrada.

3. Como Jó, persevere e seja preparado pelas aflições

Eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te veem.
Jó 42:5

Para melhorar a nossa percepção do Senhor, por vezes, Ele permite que enfrentemos lutas e sofrimentos na vida. Como Jó, que conheceu melhor a Deus depois das suas tribulações, assim também nós O veremos melhor se permanecermos fieis nas dificuldades.

4. Mantenha puro o seu coração: para possuir a visão celestial

Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus.
Mateus 5:8

Um coração limpo e quebrantado é tratável por Deus. Ele amplia a visão a medida transforma nosso interior.

5. Fique junto de Jesus, ouvindo a sua Palavra, mesmo em dificuldades

Então os olhos deles se abriram, e eles reconheceram Jesus; mas ele desapareceu da presença deles.
E disseram um ao outro: Não é verdade que o coração nos ardia no peito, quando ele nos falava pelo caminho, quando nos explicava as Escrituras?
Lucas 24:31-32

A dor da perda do Mestre era tão grande, que afetou a visão dos discípulos depois da morte de Jesus. Mas eles se mantiveram na fé, ouviram e caminharam com o Senhor no caminho de Emaús, até que o reconheceram à mesa. Mantenha-se unido a Jesus por meio da Bíblia e da oração.

Buscando a visão celestial

Toda a visão espiritual que temos aqui não se compara à visão perfeita que teremos no céu. Por agora vemos com pouca nitidez (1 Coríntios 13:12), mas na eternidade veremos o Senhor como Ele é (1 João 3:2). Lá veremos plenamente, com uma visão perfeita a glória de Cristo (João 17:24).

Mas, como está escrito: "Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam."
1 Coríntios 2:9

Nada se compara a essa visão espiritual. Busque diariamente enxergar a realidade celestial preparada para aqueles que amam ao Senhor.

Veja mais: