Salmo do Dia


Diariamente um Salmo Bíblico para inspirar e melhorar o seu dia.

Salmo de Hoje

Domingo, 9 de Maio de 2021

Reveste da tua justiça o rei, ó Deus,
e da tua retidão o filho do rei,

para que ele julgue com retidão
e com justiça os teus que sofrem opressão.

Que os montes tragam prosperidade ao povo
e as colinas o fruto da justiça.

Defenda ele os oprimidos no meio do povo
e liberte os filhos dos pobres;
esmague ele o opressor!

Que ele perdure como o sol
e como a lua por todas as gerações.

Seja ele como chuva
sobre uma lavoura ceifada,
como aguaceiros que regam a terra.

Floresçam os justos nos dias do rei,
e haja grande prosperidade enquanto durar a lua.

Governe ele de mar a mar
e desde o rio Eufrates até os confins da terra.

Inclinem-se diante dele as tribos do deserto,
e os seus inimigos lambam o pó.

Que os reis de Társis e das regiões litorâneas
lhe tragam tributo;
os reis de Sabá e de Sebá
lhe ofereçam presentes.

Inclinem-se diante dele todos os reis,
e sirvam-no todas as nações.

Pois ele liberta os pobres que pedem socorro,
os oprimidos que não têm quem os ajude.

Ele se compadece dos fracos e dos pobres
e os salva da morte.

Ele os resgata da opressão e da violência,
pois aos seus olhos a vida deles é preciosa.

Tenha o rei vida longa!
Receba ele o ouro de Sabá.
Que se ore por ele continuamente,
e todo o dia se invoquem bênçãos sobre ele.

Haja fartura de trigo por toda a terra,
ondulando no alto dos montes.
Floresçam os seus frutos como os do Líbano
e cresçam as cidades como as plantas no campo.

Permaneça para sempre o seu nome
e dure a sua fama enquanto o sol brilhar.
Sejam abençoadas todas as nações
por meio dele,
e que elas o chamem bendito.

Bendito seja o Senhor Deus,
o Deus de Israel,
o único que realiza feitos maravilhosos.

Bendito seja
o seu glorioso nome para sempre;
encha-se toda a terra da sua glória.
Amém e amém.

Encerram-se aqui as orações de Davi, filho de Jessé.
TERCEIRO LIVRO

Salmo 72

Salmo de Ontem

Aquele que habita no abrigo do Altíssimo
e descansa à sombra do Todo-poderoso

pode dizer ao Senhor:
"Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza,
o meu Deus, em quem confio".

Ele o livrará do laço do caçador
e do veneno mortal.

Ele o cobrirá com as suas penas,
e sob as suas asas você encontrará refúgio;
a fidelidade dele será o seu escudo protetor.

Você não temerá o pavor da noite
nem a flecha que voa de dia,

nem a peste que se move sorrateira
nas trevas,
nem a praga que devasta ao meio-dia.

Mil poderão cair ao seu lado;
dez mil, à sua direita,
mas nada o atingirá.

Você simplesmente olhará,
e verá o castigo dos ímpios.

Se você fizer do Altíssimo o seu abrigo,
do Senhor o seu refúgio,

nenhum mal o atingirá,
desgraça alguma chegará à sua tenda.

Porque a seus anjos ele dará ordens
a seu respeito,
para que o protejam em todos
os seus caminhos;

com as mãos eles o segurarão,
para que você não tropece em alguma pedra.

Você pisará o leão e a cobra;
pisoteará o leão forte e a serpente.

"Porque ele me ama, eu o resgatarei;
eu o protegerei, pois conhece o meu nome.

Ele clamará a mim, e eu lhe darei resposta,
e na adversidade estarei com ele;
vou livrá-lo e cobri-lo de honra.

Vida longa eu lhe darei,
e lhe mostrarei a minha salvação."

Salmo 91

Salmo de Anteontem

Venham! Cantemos ao Senhor com alegria!
Aclamemos a Rocha da nossa salvação.

Vamos à presença dele com ações de graças;
vamos aclamá-lo com cânticos de louvor.

Pois o Senhor é o grande Deus,
o grande Rei acima de todos os deuses.

Nas suas mãos estão as profundezas da terra,
os cumes dos montes lhe pertencem.

Dele também é o mar, pois ele o fez;
as suas mãos formaram a terra seca.

Venham! Adoremos prostrados
e ajoelhemos diante do Senhor,
o nosso Criador;

pois ele é o nosso Deus,
e nós somos o povo do seu pastoreio,
o rebanho que ele conduz.
Hoje, se vocês ouvirem a sua voz,

não endureçam o coração, como em Meribá,
como aquele dia em Massá, no deserto,

onde os seus antepassados me tentaram,
pondo-me à prova,
apesar de terem visto o que eu fiz.

Durante quarenta anos
fiquei irado contra aquela geração e disse:
"Eles são um povo de coração ingrato;
não reconheceram os meus caminhos".

Por isso jurei na minha ira:
"Jamais entrarão no meu descanso".

Salmo 95

Quer Receber Mensagens Bíblicas?