Salmo do Dia


Diariamente um Salmo Bíblico para inspirar e melhorar o seu dia.

Salmo de Hoje

Sábado, 4 de Abril de 2020

Fala o Senhor, o Deus supremo;
convoca toda a terra, do nascente ao poente.

Desde Sião, perfeita em beleza,
Deus resplandece.

Nosso Deus vem!
Certamente não ficará calado!
À sua frente vai um fogo devorador,
e, ao seu redor, uma violenta tempestade.

Ele convoca os altos céus e a terra,
para o julgamento do seu povo:

"Ajuntem os que me são fiéis,
que, mediante sacrifício,
fizeram aliança comigo".

E os céus proclamam a sua justiça,
pois o próprio Deus é o juiz.

"Ouça, meu povo, pois eu falarei;
vou testemunhar contra você, Israel,
eu, que sou Deus, o seu Deus.

Não o acuso pelos seus sacrifícios,
nem pelos holocaustos,
que você sempre me oferece.

Não tenho necessidade
de nenhum novilho dos seus estábulos
nem dos bodes dos seus currais,

pois todos os animais da floresta são meus,
como são as cabeças de gado
aos milhares nas colinas.

Conheço todas as aves dos montes
e cuido das criaturas do campo.

Se eu tivesse fome, precisaria dizer a você?
Pois o mundo é meu, e tudo o que nele existe.

Acaso como carne de touros
ou bebo sangue de bodes?

Ofereça a Deus em sacrifício a sua gratidão,
cumpra os seus votos para com o Altíssimo,

e clame a mim no dia da angústia;
eu o livrarei, e você me honrará."

Mas ao ímpio Deus diz:
"Que direito você tem de recitar as minhas leis
ou de ficar repetindo a minha aliança?

Pois você odeia a minha disciplina
e dá as costas às minhas palavras!

Você vê um ladrão e já se torna seu cúmplice,
e com adúlteros se mistura.

Sua boca está cheia de maldade
e a sua língua formula a fraude.

Deliberadamente você fala contra o seu irmão
e calunia o filho de sua própria mãe.

Ficaria eu calado
diante de tudo o que você tem feito?
Você pensa que eu sou como você?
Mas agora eu o acusarei diretamente,
sem omitir coisa alguma.

"Considerem isto,
vocês que se esquecem de Deus;
caso contrário os despedaçarei,
sem que ninguém os livre.

Quem me oferece sua gratidão
como sacrifício honra-me,
e eu mostrarei a salvação de Deus
ao que anda nos meus caminhos".

Salmo 50

Salmo de Ontem

Salva-nos, Senhor!
Já não há quem seja fiel;
já não se confia em ninguém entre os homens.

Cada um mente ao seu próximo;
seus lábios bajuladores falam
com segundas intenções.

Que o Senhor corte
todos os lábios bajuladores
e a língua arrogante

dos que dizem:
"Venceremos graças à nossa língua;
somos donos dos nossos lábios!
Quem é senhor sobre nós?"

"Por causa da opressão do necessitado
e do gemido do pobre, agora me levantarei",
diz o Senhor.
"Eu lhes darei a segurança que tanto an­seiam."

As palavras do Senhor são puras,
são como prata purificada num forno,
sete vezes refinada.

Senhor, tu nos guardarás seguros,
e dessa gente nos protegerás para sempre.

Os ímpios andam altivos por toda parte,
quando a corrupção é exaltada entre os ho­mens.

Salmo 12

Salmo de Anteontem

Tem misericórdia de mim, ó Deus,
por teu amor;
por tua grande compaixão
apaga as minhas transgressões.

Lava-me de toda a minha culpa
e purifica-me do meu pecado.

Pois eu mesmo
reconheço as minhas transgressões,
e o meu pecado sempre me persegue.

Contra ti, só contra ti, pequei
e fiz o que tu reprovas,
de modo que justa é a tua sentença
e tens razão em condenar-me.

Sei que sou pecador desde que nasci;
sim, desde que me concebeu minha mãe.

Sei que desejas a verdade no íntimo;
e no coração me ensinas a sabedoria.

Purifica-me com hissopo, e ficarei puro;
lava-me, e mais branco do que a neve serei.

Faze-me ouvir de novo júbilo e alegria,
e os ossos que esmagaste exultarão.

Esconde o rosto dos meus pecados
e apaga todas as minhas iniquidades.

Cria em mim um coração puro, ó Deus,
e renova dentro de mim um espírito estável.

Não me expulses da tua presença
nem tires de mim o teu Santo Espírito.

Devolve-me a alegria da tua salvação
e sustenta-me
com um espírito pronto a obedecer.

Então ensinarei os teus caminhos
aos transgressores,
para que os pecadores se voltem para ti.

Livra-me da culpa dos crimes de sangue,
ó Deus, Deus da minha salvação!
E a minha língua aclamará a tua justiça.

Ó Senhor, dá palavras aos meus lábios,
e a minha boca anunciará o teu louvor.

Não te deleitas em sacrifícios
nem te agradas em holocaustos,
senão eu os traria.

Os sacrifícios que agradam a Deus
são um espírito quebrantado;
um coração quebrantado e contrito,
ó Deus, não desprezarás.

Por tua boa vontade faze Sião prosperar;
ergue os muros de Jerusalém.

Então te agradarás dos sacrifícios sinceros,
das ofertas queimadas e dos holocaustos;
e novilhos serão oferecidos sobre o teu altar.

Salmo 51

Quer Receber Mensagens Bíblicas?