Desvia os meus olhos das coisas inúteis; faze-me viver nos caminhos que traçaste.
- Salmos 119:37 -

É incrível que, mesmo com todas as tecnologias modernas que nos ajudam a economizar tempo e facilitar tarefas, parecemos ter sempre menos tempo, não é? Celulares, micro-ondas, controles remotos, transportes mais velozes, computadores, e todo o tipo de informação acessível digitalmente, deveriam nos poupar um tempo valioso. Então, por quê todo esse tempo extra parece evaporar-se diariamente? Coisas inúteis. Esta parece ser a resposta mais correta. Não há dúvidas que, coisas desnecessárias roubam um tempo precioso da nossa vida.

Desvia meus olhos das coisas inúteis... Salmos 119:37 - Olhar entre folhas de palmeira

Essa é uma breve oração, mas tão importante para estabelecermos objetivos de vida nos nossos dias. O salmista, neste verso, fez dois pedidos importantes a Deus: 

  1. que desviasse os seus olhos de coisas inúteis e
  2. que lhe ajudasse a focar nos caminhos do Senhor

O primeiro remete ao campo das ações desperdiçadas (ver, pensar e fazer coisas inúteis) e o segundo pedido, aponta para o caminho certo a seguir. Muitas coisas podem, eventualmente, atravessar o dia a dia, tirando-nos a atenção do que realmente importava. Do mesmo modo, se não tivermos empenhados em viver com um propósito firme, andaremos sem rumo e sem direção na vida.

Coisas inúteis da vida

A Bíblia usa a palavra "vaidade" para descrever a ideia de futilidade das 'coisas inúteis'. Quase sempre empregada num sentido negativo, a vaidade também é associada a coisas sem importância que tentam roubar o lugar das que realmente importam.

"Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade..."
- Filipenses 2:3a -

Costumamos associar vaidade a excessos cometidos na aparência, mas na Bíblia as 'coisas vãs' têm um significado muito mais alargado. Está associado a inutilidades em diversos sentidos. O apego excessivo ao ócio, dinheiro, trabalho, fama, ideologias, esportes, compras, sucesso, relacionamentos, etc, são alguns dos muitos exemplos que o livro de Provérbios descreve de coisas vãs. 

Mulher olhando no espelho - Vaidade de vaidades, diz o Pregador... Tudo é vaidade. Eclesiastes 1:2
"Vaidade de vaidades, diz o Pregador. Vaidade de vaidades! Tudo é vaidade."
- Eclesiastes 1:2 -

Outras passagens tratam das coisas inúteis ao nível espiritual. A confiança vã em falsos deuses e ídolos, bem como em pessoas, coisas ou em si mesmo, é inútil e roubam o lugar de Deus no coração dos homens. Da mesma forma, as coisas vãs (desnecessárias) tiram o lugar de coisas valiosas da vida.

Concentre-se no Objetivo!

Se o 1º ponto do versículo (Salmos 119:37) nos alerta para a importância de não nos distrairmos com futilezas, o 2º fala-nos de foco. A maneira mais prática de não "flertar" com as coisas inúteis é concentrar no que é mais importante. Deus é (ou deveria ser) a pessoa mais importante nas nossas vidas. Conforme Jesus nos ensinou, buscar ao Senhor e à Sua vontade devem ser as nossas prioridades de vida:

"Mas busquem em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas lhes serão acrescentadas."
- Mateus 6:33 -

Seguir os caminhos de Deus é o meio mais seguro de não nos "perdermos" na vida. Se você deseja cumprir seu real propósito de vida, precisa se concentrar no Senhor e na Sua Palavra. O profeta Samuel assim aconselhou o povo de Israel: 

"... No entanto, não se desviem de seguir o Senhor, mas sirvam o Senhor de todo o coração.
Não se desviem, pois vocês estariam seguindo coisas vãs, que nada aproveitam e que não os podem livrar, porque são vaidade."
- 1 Samuel 12:20b-21 -

Desviando seus olhos das coisas inúteis

Os olhos são portal de entrada de muitas coisas nas nossas vidas. Por eles entram coisas boas e más. Cabe a nós sermos seletivos, buscando "ver" o que é importante e rejeitando tudo que for mau. Jesus disse que se os nossos olhos forem bons, todo nosso ser será iluminado, mas se forem maus... enxeremos nossas vidas de escuridão (Lucas 11:34). 

As coisas inúteis podem estar disfarçadas de coisas boas da vida. De fato, se despertaram algum interesse, provavelmente, têm o seu lado "bom". Mas, se estão tomando o lugar e a vez de coisas melhores e mais importantes, são inutilidades. Mais cedo ou mais tarde, isso vai nos:

  • fazer perder um tempo precioso da vida,
  • gerar procrastinação e destruir um trabalho (emprego, melhoria profissional)
  • colocar o casamento (família) em segundo plano,
  • prejudicar os estudos (projetos, aprendizagem),
  • prejudicar relacionamentos,
  • prejudicar a vida espiritual.

Fique alerta: aquilo que mais lhe atrai, tirando sua atenção e tempo, pode se tornar em algo controlador, que como vício lhe tornará seu escravo, sem que você se aperceba disso.

Porque, como na multidão dos sonhos há vaidade, assim também nas muitas palavras. Portanto, tema a Deus. - Eclesiastes 5:7 -

Olhando para o que realmente importa

Mas, então, como se afastar de coisas inúteis e se concentrar no que realmente importa? Eliminando coisas dispensáveis (e até algumas boas), de modo a ter mais tempo para coisas melhores. E, continue olhando firme para Jesus, o alvo, o autor e consumador da nossa fé (Heb.12:2). Ele lhe ajudará a concentrar no que realmente importa.

"prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus."
- Filipenses 3:14 -

Lembre-se, que o significado da vida não se resume nas conquistas materiais, acadêmicas ou profissionais, por melhores que todas essas coisas sejam. O mais importante da vida é encontrado nos relacionamentos: primeiramente com Deus, depois com as pessoas. É aí que experimentamos o amor de Deus e somos capacitados a amá-lo e também aos outros.

Leia também: 
Buscai primeiro o Reino de Deus

O que Deus diz para você hoje

Pregações impactantes