As 10 pragas do Egito foram um evento terrível e maravilhoso! Deus mostrou seu poder e humilhou o faraó e todos os seus deuses falsos. Mas as pragas do Egito não serviram apenas de lição para os egípcios. Há muitas coisas importantes que nós também podemos aprender:

1. A vida vem de Deus

O rio Nilo era a vida do Egito. Não havia outra fonte de água para beber e irrigar a terra. Todos dependiam da água do rio para viver. Quando Deus transformou a água do rio em sangue, foi um golpe fatal na vida do Egito. Deus mostrou que ele é a verdadeira fonte de toda vida.

2. A natureza obedece a Deus

Na segunda praga, todas as rãs ficaram fora de controle! Elas abandonaram seu habitat normal e invadiram as casa dos egípcios. A ordem da natureza foi mudada. Deus é quem mantém a ordem na natureza e ele tem poder para controlar o que acontece. Quando há muito pecado, Deus deixa a natureza se descontrolar.

3. Outras religiões não têm poder

Com a praga de piolhos, até os magos do faraó tiveram de admitir que isso era obra de Deus. Eles não conseguiam imitar os milagres de Deus com sua magia. Deus é mais poderoso que qualquer outra força nesse mundo.

4. Deus cuida de seu povo

Quando Deus enviou as moscas, ele fez distinção entre egípcios e hebreus. Quem ama a Deus e o segue está debaixo de sua proteção. Ele protege e livra os justos do castigo dos ímpios.

5. Riqueza não é segurança

Na sociedade dessa época, os rebanhos eram uma fonte essencial de matérias-primas e a base de muito do comércio (além de uma fonte de alimento). Em um dia, Deus destruiu todos os rebanhos dos egípcios! As riquezas desaparecem muito depressa. Não devemos pôr nossa confiança nelas nem fazer do dinheiro nosso deus.

6. A saúde depende de Deus

"Ao menos tenho a saúde" - muitas pessoas dizem isso quando acontece uma desgraça. Mas a saúde também não é garantia! Deus enviou feridas sobre os egípcios. Nossa saúde depende da vontade de Deus.

7. Segurança para quem obedece

Antes de enviar a tempestade de granizo, Deus avisou os egípcios. Aqueles que acreditaram abrigaram seus rebanhos e servos e foram poupados. Mas todos que não prestaram atenção viram sua propriedade destruída. Deus livra quem obedece e faz sua vontade. Quem despreza os avisos de Deus causa sua própria destruição.

8. O sustento vem de Deus

A praga de gafanhotos acabou com toda comida que tinha sobrado das outras pragas. Os egípcios iriam passar fome. Deus é o dono de toda comida. Ele tem poder para tirar e para dar. Deus sustenta quem crê nele, dando aquilo que é preciso para viver.

9. Tudo que fazemos depende de Deus

Quando as trevas caíram sobre o Egito, ninguém conseguiu fazer nada durante três dias. Tudo parou. Deus é soberano sobre toda a nossa vida, todas as nossas ações, tudo que fazemos. Ele é a luz de quem o ama mas quem o rejeita vive em trevas.

10. Deus salva

A décima praga foi a morte de todos os primeiros filhos. Mas Deus providenciou salvação para as famílias dos hebreus um cordeiro morreria no lugar do filho mais velho de cada família. O sangue do cordeiro na porta era o sinal para não matar. Da mesma forma, a morte e a condenação vêm sobre todos, mas Deus enviou Jesus para morrer em nosso lugar. Quem tem Jesus tem a salvação.